PUB

chamusca monologos penis

PUB

insantarem2022

PUB

cortes2022

PUB

clickaporta

A centenária Feira dos Santos está de regresso à cidade do Cartaxo. De 28 de Outubro a 2 de Novembro, os frutos secos e outros produtos da época, o artesanato, os vinhos e a gastronomia vão marcar presença nesta que é considerada uma das mais antigas feiras do país.

Paralelamente à Feira dos Santos, realiza-se a ExpoCartaxo - de 28 de Outubro a 1 de Novembro - que, mais uma vez, vai permitir aos agentes empresariais do concelho e da região promoverem os seus produtos e serviços, representando um importante contributo para a divulgação e dinamização do tecido económico local.

Este certame empresarial, com lugar no Pavilhão Municipal de Exposições, junto ao recinto da feira, é uma organização conjunta da Câmara Municipal do Cartaxo e da Nersant - Associação Empresarial da Região de Santarém.

A diversidade cultural do concelho está também espelhada neste certame, que conta com a colaboração de várias colectividades locais, que vão subir ao palco do Pavilhão Municipal de Exposições durante os cinco dias da ExpoCartaxo.

A “cidade judiciária” que está a ser criada na antiga Escola Prática de Cavalaria de Santarém deverá receber uma forte concentração de tribunais decorrente do novo mapa judiciário.

A garantia é do presidente da autarquia, Francisco Moita Flores, que, em declarações à Agência Lusa, afirmou que o secretário de Estado da Administração Patrimonial e Equipamentos do Ministério da Justiça, Fernando Santo, visitou, na quarta-feira, 26 de Outubro, as obras em curso numa das alas da antiga EPC, tendo feito ainda um percurso pelo restante espaço “para ver a possibilidade de instalação de outros tribunais”.

“Há uma forte possibilidade de vir aqui a existir uma grande concentração de tribunais, o que decorre do mapa judiciário”, já que “as capitais de distrito vão ter uma importância muito grande” na redistribuição que vier a ocorrer até ao final do ano, afirmou Moita Flores.

Recorde-se que o anterior Governo anunciou a instalação em Santarém dos tribunais da Concorrência, Regulação e Supervisão, do Comércio e da Propriedade Intelectual, tendo ainda sido anunciada a transferência do Tribunal do Trabalho das atuais instalações (num prédio do centro histórico) para a “cidade judiciária”.

Em maio, a câmara de Santarém assinou, com o ministério da Justiça, o contrato promessa para arrendamento do espaço que prevê o pagamento, a partir de 2014, de uma renda mensal de 36.000 euros durante 15 anos pela instalação dos tribunais na antiga EPC.

Na reunião de câmara de segunda-feira, a autarquia aprovou a cessão contratual (prevista no contrato) em nome da Irmãos Borges Imobiliária, a empresa de Braga que se comprometeu a fazer as obras de adaptação até ao final de janeiro de 2012.

A empresa irá receber diretamente as rendas que serão pagas pelo ministério da Justiça como amortização de uma obra cujo custo rondará os quatro milhões de euros.

Até 6 de Novembro, a Casa do Campino, em Santarém, é a capital da gastronomia nacional. O espaço, situado no Campo Emílio Infante da Câmara, acolhe desde o dia 21 de Outubro o 31º Festival Nacional de Gastronomia que apesar dos cortes no orçamento na ordem dos 20%, continua a mostrar o melhor da cozinha regional portuguesa, sem esquecer a modernidade que deve acompanhar a dinâmica da gastronomia.

As entradas mantêm-se nos 2,50 euros por pessoa e a organização prevê que durante os 17 dias de festival passem pelas 13 tasquinhas entre 70 a 80 mil pessoas.

Esta edição conta com almoços temáticos, em que vão estar representadas as várias regiões, da responsabilidade das entidades de Turismo, variando as suas composições e ementas.

O “Concurso do Petisco” volta a ter lugar, com demonstrações culinárias de Petiscos e Sopas, no Átrio da Casa do Campino.

O artesanato volta também a estar presente, contando este ano com 36 artesãos e áreas comerciais ligadas à gastronomia.

O programa do festival inclui ainda demonstrações de técnicas culinárias e de pratos como arroz de cabidela e caldeirada.

Todos os dias há animação musical no Átrio da Casa do Campino, com a seguinte programação:

Sexta-feira 21 de Outubro – Orquestra Santos Rosa

Sábado 22 de Outubro – Atuação do vencedor do Programa “Ídolos”

Domingo 23 de Outubro – “Boinas”

Segunda-feira 24 de Outubro – Herman José

Terça-feira 25 de Outubro – André Sardet

Quarta-feira 26 de Outubro – Canário Amigos

Quinta-feira 27 de Outubro – Fados de Coimbra

Sexta-feira 28 de Outubro – Rancho Folclórico “ Támar” da Nazaré

Sábado 29 de Outubro – Grupo “Riobó” da Galiza

Domingo 30 de Outubro – Atuação de David Antunes

Segunda-feira 31 de Outubro – João Pedro Pais

Terça-feira 1 de Novembro – Tuna Académica “ Corsários das Ilhas”

Quarta-feira 2 de Novembro – Tonecas e a música africana

Quinta-feira 3 de Novembro – Fadista Joana Amendoeira

Sexta-feira 4 de Novembro – Nucha

Sábado 5 de Novembro – Pedro Fernandes

Mais artigos...

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

PUB

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

armyaqua

PUB

almeirim adocao

Quem está Online?

Temos 525 visitantes e 0 membros em linha