Um pescador encontrou um cadáver do sexo masculino em avançado estado de decomposição na praia da Falca, concelho de Alcobaça, no distrito de Leiria. A descoberta foi feita pouco depois das 6h30 da manhã deste domingo, 19 de junho no areal desta praia, situada a Norte da Nazaré.

wshoppingSlide thumbnail

O estado irreconhecível do cadáver impediu a sua identificação, o que só deverá acontecer com a autópsia, mas há fortes suspeitas que se trate do corpo do jovem do concelho do Cartaxo, de 23 anos, estudante do Instituto Politécnico de Leiria, que desapareceu no dia 13, segunda-feira, na praia de Paredes de Vitória, que fica a cerca de cinco quilómetros a sul do local onde o cadáver foi descoberto.

A Autoridade Marítima Nacional (AMN) explicou que o alerta para a presença de "um corpo na praia" foi dado por um pescador às 06h42, tendo "de imediato" sido ativados para o local elementos da Polícia Marítima da Nazaré, das corporações de Bombeiros Voluntários de Pataias e de Alcobaça e do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Ainda segundo a AMN, o óbito "foi declarado no local" pela Delegada de Saúde e o cadáver foi depois removido da praia pelos bombeiros de Pataias e, posteriormente, transportado pelos bombeiros de Alcobaça para o Instituto de Medicinal Legal e Ciências Forenses de Leiria, "após indicações do Ministério Público".

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Leiria, contactada pela agência Lusa, remeteu outras informações para as autoridades policiais, apenas adiantando que a ocorrência poderá estar relacionada com uma situação de afogamento ocorrida "há três ou quatro dias".