A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT) está a desenvolver o projeto “Médio Tejo em Igualdade”, que tem como objetivo implementar um “Plano Municipal para a Igualdade e a Não Discriminação” em cada um dos 13 municípios que a compõem.

wshoppingSlide thumbnail

Nesta primeira fase, as autarquias estão a convidar os munícipes para o preenchimento de um questionário com vista a elaborar um diagnóstico à realidade social local de cada município, que deverá identificar e priorizar as necessidades da população e do território.
“Pretende-se conhecer a realidade social local da população, nomeadamente os seus hábitos de vida (desporto, cultura, saúde, ambiente e mobilidade), conciliação entre a vida profissional e vida pessoal/familiar, assim como, as perceções de (in)segurança nos concelhos e casos de violência em contexto escolar, público e privado”, explica uma nota de imprensa da CIMT.
A segunda fase do projeto será a elaboração e implementação dos 13 “Planos para a Igualdade e não Discriminação” no território, seguindo-se a divulgação dos mesmos junto da população.
Para participar, basta aceder ao questionário, através do link: https://sprw.io/stt-5fbe8e