PUB

cm chamusca covid

PUB

clickaporta

PUB

cms visitestr

PUB

castelo bode

 PUBaguas santarem 600x110

O jovem que esfaqueou um segurança privado durante um assalto a um hipermercado no Entroncamento foi condenado a seis anos e quatro meses de prisão efetiva.

Slide thumbnail

Durante o julgamento, que decorreu no Tribunal de Santarém, o arguido, de 21 anos, mostrou arrependimento e garantiu que nunca teve intenção de matar a vítima, e que puxou da navalha apenas quando ficou cercado por vários vigilantes que tentavam impedir a sua fuga.
O autor da facada, natural de Portimão, começou a responder por homicídio qualificado na forma tentada, mas o coletivo de juízes acabou por condená-lo por um crime de ofensa à integridade física qualificado e outro de furto simples.
O arguido foi ainda condenado ao pagamento de 5.100 euros ao Centro Hospitalar Médio Tejo, pela assistência ao segurança, que ficou entre a vida e a morte.
Os factos remontam a fevereiro de 2020, depois do autor do crime ter enchido um carrinho com eletrodomésticos no valor de 1.428 euros, e, de seguida, ter tentado sair por uma fila de caixa sem sequer os tentar pagar.
Ao dirigir-se para o exterior, foi abordado pelo diretor comercial do supermercado e pelo segurança, o que o fez largar os objetos furtados e fugir a correr pelo parque de estacionamento.
Já numa rua adjacente ao estabelecimento, e ao ver-se rodeado por três seguranças que foram no seu encalce, o autor do crime puxou de uma navalha e golpeou um deles duas vezes, no abdómen e no tórax, perfurando-lhe o pulmão esquerdo.
Acabou por ser detido poucos minutos depois pela PSP do Entroncamento, e já estava em prisão preventiva durante o julgamento.



PUB

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

ipsantarem mestrados

PUB

Anuncio AR Chamusca

PUB

almeirim sopapedra

Quem está Online?

Temos 572 visitantes e 0 membros em linha