PUB

cm chamusca covid

PUB

clickaporta

PUB

cms visitestr

PUB

castelo bode

 PUBaguas santarem 600x110

O condutor do pesado de mercadorias que provocou um grande acidente ferroviário na passagem de nível da Estrada do Peso, nos arredores de Santarém, refuta quaisquer responsabilidades pela colisão.

Slide thumbnail

“Não me sinto culpado nem perante a justiça dos homens, nem perante a minha consciência”, afirmou Manuel Correia na primeira sessão do julgamento do acidente, que começou esta quarta-feira, 5 de maio, no Tribunal de Santarém.
O arguido, de 69 anos, optou por manter-se em silêncio sobre os factos do Despacho de Acusação, mas leu uma declaração escrita onde imputa as responsabilidades às entidades que gerem a ferrovia naquele local, e onde são frequentes os acidentes com comboios.
Recorde-se que Manuel Correia está acusado pelo Ministério Público (MP) por três crimes, um de homicídio negligente, referente à morte de Carlos Moita (o ajudante que seguia consigo no camião), um de ofensa à integridade física negligente, e outro de atentado à segurança de transporte por ar, água ou caminho de ferro.
“Fui eu quem perdi um bom amigo, um companheiro de longa data e de muitas viagens”, acrescentou Manuel Correia, terminando a sua declaração dizendo ao coletivo de juízes que o “Tribunal pode decidir como quiser, mas nunca me vou sentir culpado desta tragédia”.
Os factos remontam a novembro de 2016, quando Manuel Correia tentou atravessar a Linha do Norte ao volante de um pesado que transportava uma retroescavadora no semirreboque.
Segundo o MP, que atribui as responsabilidades do acidente à condução desleixada do arguido, os sinais sonoros já avisavam da aproximação de um comboio e o camião ficou atravessado na linha quando as barreiras de proteção desceram.
No sentido Lisboa – Tomar, circulava dentro dos limites de velocidade o Regional nº 4425, com duas composições, que não conseguiu evitar o embate e acabou por descarrilar alguns metros mais à frente.
O ajudante do motorista, Carlos Moita, de 66 anos, saiu do pesado para tentar levantar as cancelas e acabou colhido com grande violência, tendo tido morte imediata no local.
A colisão com a retroescavadora e o descarrilamento da composição provocou também ferimentos a nove passageiros do Regional que seguia para Tomar.

 



PUB

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

ipsantarem mestrados

PUB

Anuncio AR Chamusca

PUB

almeirim sopapedra

Quem está Online?

Temos 935 visitantes e 0 membros em linha