A GNR de Ourém deteve um homem que ameaçou de morte a própria esposa com uma faca com 20 centímetros de lâmina, e que só não consumou o crime porque foi desarmado e impedido por familiares.

Slide thumbnail

O caso ocorreu esta terça-feira, 11 de agosto, na casa do casal, onde o agressor, de 67 anos, foi detido por militares do posto territorial de Ourém e do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE).
Presente no mesmo dia a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Santarém, o homem foi constituído arguido e colocado em prisão preventiva, até responder pelo crime de violência doméstica.
No âmbito da investigação deste caso, os militares “apuraram que o suspeito agrediu física e psicologicamente, de forma reiterada, durante os 47 anos de casamento, a sua mulher de 64 anos, ameaçando-a de morte constantemente”, explica um comunicado de imprensa do Comando da GNR.
O arguido tem antecedentes criminais pelo crime de homicídio.