PUB

chamusca covid responsavel

PUB

banner cms escola

Uma mulher, de 39 anos, detida na quarta-feira, 27 de maio, pelo Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) do Comando Territorial de Santarém da GNR, pelo crime de violência doméstica, ficou proibida de contacto com as vítimas – o pai e a mãe –, sendo monitorizada através de pulseira eletrónica.

Slide thumbnail

A medida de coação, aplicada nesse mesmo dia pelo Tribunal Judicial de Santarém, teve em conta que a mulher, residente em Samra Correia, no concelho de Benavente, infligia violência física e psicológica sobre a mãe, de 74 anos, e violência psicológica sobre o pai, de 75 anos.

“A suspeita ameaçava as vítimas, chegando mesmo a agredir a mãe, que se encontra acamada, neste último mês”, refere a GNR, que explica que “no decorrer de uma ação policial foi dado cumprimento a um mandado de detenção, devido ao perigo de continuidade da violência praticada sobre os progenitores, que resultou na detenção da agressora”.



PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

almeirim melao

Quem está Online?

Temos 762 visitantes e 0 membros em linha