O Departamento de Investigação Criminal de Leiria da Polícia Judiciária (PJ), deteve 7 indivíduos, com idades entre os 20 e os 50 anos, no cumprimento de mandados de detenção relacionados com vários crimes.

Slide thumbnail

As detenções decorreram no âmbito de um inquérito dirigido pela Secção de Caldas da Rainha do DIAP de Leiria, que envolveu buscas e detenções na sequência da investigação de crimes de roubo e outros crimes conexos, como incêndio de viaturas, sequestros, falsificação de matrícula de viaturas, ocorridos entre dezembro de 2018 e março de 2019, nas áreas de Peniche, Caldas da Rainha, Rio Maior, Torres Novas, Batalha e Lourinhã.

"Estes crimes visaram assaltar postos de abastecimento de combustível, estabelecimentos comerciais, viaturas de transporte de tabaco, residências, bem como vítimas na via pública", esclarece a PJ.

Os suspeitos usaram armas de fogo, existindo vários casos em que foram efetuados disparos, indiscriminadamente e com elevado risco para a integridade física das vítimas, num quadro de grande violência, também, através de agressões físicas.

A operação envolveu a realização de 27 buscas domiciliárias e 18 não domiciliárias, que incidiram nas zonas de Peniche, Nelas, Guarda, Torres Novas e Alenquer, e contou com a colaboração da Diretoria do Centro, dos Departamentos de Investigação Criminal de Aveiro e da Guarda da Polícia Judiciária, da Guarda Nacional Republicana de Mangualde e Nelas e da Polícia de Segurança Pública de Torres Novas e de Peniche.

Os detidos irão ser presentes a tribunal para aplicação de medidas de coação.