PUB

chamusca covid responsavel

PUB

banner cms riscos

O Conselho de Administração do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) anunciou esta quarta-feira, 18 de novembro, a suspensão temporária do gozo de férias dos profissionais da instituição. A medida tem efeitos a partir de hoje e duração, pelo menos, até 31 de janeiro de 2021.

Slide thumbnail

A medida é justificada “no sentido de adequar os meios humanos necessários, para fazer face às especificidades estruturais e assistenciais que se consideram fundamentais”, tendo em conta o aumento do número de infeções decorrentes do surto pandémico do vírus SARS-CoV-2/COVID-19 e atentando, ainda, ao número de óbitos.

A circular enviada hoje aos funcionários engloba-se ainda no Despacho n.º 10921/2020, de 3 de novembro da Ministra da Saúde, que estabelece a prontidão integral de toda a capacidade e de todos os recursos existentes no Serviço Nacional de Saúde, na lógica em que este constitui uma única rede de prestação de cuidados à globalidade da população residente em território nacional.

Apesar desta suspensão “a presente determinação não prejudica a aplicação de quaisquer regras sobre a aquisição do direito a férias, designadamente relativas ao seu posterior gozo e duração”, refere a administração do CHMT.



leziria startup

 

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

Scalhidraulica

Quem está Online?

Temos 709 visitantes e 0 membros em linha