PUB

chamusca maria emilia

PUB

cms generico

 PUBaguas santarem app

A Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo (CIMT) alcançou uma execução de cerca de 69% do seu Pacto de Desenvolvimento e Coesão Territorial (PDCT), que estará vigente até 2023.

wshoppingSlide thumbnail

Esta execução do PDCT da CIMT é bastante significativa, uma vez que foi superior aos 60% propostos para a execução do programa na região centro do país em 2021.

“Com este nível de execução deu-se um contributo muito significativo na meta definida para o Programa Operacional Regional do Centro 2020 e para o nível de execução global dos fundos comunitários em Portugal”, refere a CIMT em comunicado, acrescentando que "para este nível de execução, foi premente o contributo dos municípios e das empresas apoiadas através do Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial".

O PDCT da CIM do Médio Tejo, com uma dotação de fundo de cerca de 54 milhões de euros, tem apoiado projetos, que vão desde a área da Modernização Administrativa, Eficiência Enérgica, Património Cultural, Apoio ao Emprego e às Empresas, Cultura e Inclusão, Infraestruturas de Saúde e Escolares e Promoção do Sucesso Escolar, sendo este último âmbito, executado diretamente pela CIM do Médio Tejo, através do seu Plano Estratégico de Desenvolvimento Intermunicipal da Educação no Médio Tejo (PEDIME).

Entre os vários projetos concretizados, e ainda por concretizar, está a construção e/ou requalificação de centros escolares e de saúde, a requalificação e valorização de património edificado e espaços de lazer, ações que preveem uma maior eficiência enérgica dos edifícios públicos, a promoção do sucesso escolar, através de equipamentos e ações concretas, entre outros.



PUB

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

ipsantarem mestrados

PUB

banner ar

Quem está Online?

Temos 724 visitantes e 0 membros em linha