PUB

chamusca covid responsavel

PUB

banner cms riscos

O atual Governo ainda não pagou o reforço orçamental aprovado pelo Orçamento de Estado (OE) de 2020 ao Instituto Politécnico de Tomar (IPT), segundo denunciam os deputados do PSD eleitos pelo círculo de Santarém.

Slide thumbnail

Isaura Morais, João Moura e Duarte Marques explicam ter recebido esta informação da própria direção do IPT, numa reunião que decorreu após o presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos ter afirmado no Parlamento que o Governo não cumpriu ainda a alteração feita ao OE2020 que previa um reforço orçamental para os três Institutos Politécnicos (Santarém, Tomar e Castelo Branco).
Segundo os deputados social-democratas, em vésperas da aprovação do OE2021, o governo está a violar o próprio orçamento aprovado para 2020, “e sobretudo a desrespeitar a versão final aprovada pela Assembleia da República”.
“O subfinanciamento crónico das instituições de ensino superior agravou-se ainda mais com os atípicos últimos meses de combate à pandemia, que obrigaram a um aumento dos esforço de investimento das instituições enquanto ocorria uma redução das receitas próprias”, explicam os eleitos do PSD, acrescentando que este facto provocou constrangimentos específicos no IPT.
As dificuldades em encontrar alojamento de modo a cumprir as regras de distanciamento social levaram mesmo alguns alunos a não se matricularem para este ano letivo no IPT, essencialmente por falta de vagas nas residências de estudantes, que apesar de ter cerca 250 camas, pelas regras da DGS só podem cerca de 160 camas ocupadas.

 



leziria startup

 

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

Scalhidraulica

Quem está Online?

Temos 628 visitantes e 0 membros em linha