PUB

chamusca covid continua

PUB

banner cms juntos

ARTUR CASACA, Empreendedor

Encontrar em Santarém um jovem que tenha estudado fora e que regresse para se fixar na cidade é raro. O mais comum é vê-los, e de fugida, por estas alturas do Natal. Porque a passagem de ano, essa celebração que se quer num sítio chique para mais tarde afirmar, tem de ser, por exemplo, ali para a Nazaré ou Baleal. O que me faz uma confusão. Já investiguei qual a oferta destas cidades chiques de tão atractivo e não encontrei nada de mais do que especificamente serem fixes aos olhos de muita gente e não acredito que vão a banhos.

Na minha cidade, que é rica e especial em património histórico, entre outras coisas, nos últimos anos realizaram-se bons espectáculos no centro histórico gratuitos. Ou seja, continua-se a não valorizar o que temos e somos. Insiste-se em olhar para o que não temos.

Sempre ouvi que um dos males da sociedade é não saber o que não se sabe e nesta perspectiva devíamos todos olhar para dentro e se calhar quando passamos em Santarém e no caso daqueles que reúnem a família deviam aproveitar - com orgulho - para mostrar a fantástica parte histórica da nossa cidade que por vezes está às moscas e parece mais valorizada por quem vem de fora.

Fotografia: João Pedro RibeiroAinda assim, há quem vá contra esta corrente que todos temos de contribuir para inverter. Sendo Amigo de longa data do jovem artista Pedro Matos, que está a viver em Londres, fico sempre radiante quando o vejo a afirmar em entrevistas, em prestigiados órgãos de comunicação social internacionais, que é de Santarém.

Alguns, menos notáveis, que são de cá afirmam, por exemplo, que são de Lisboa. Se calhar é por serem assim que não chegam ao nível do Pedro que recentemente teve uma grande exposição em São Francisco, Estados Unidos, e têm toda a crítica da arte internacional a apontá-lo como um grande e promissor talento.

Ele é um dos jovens desta cidade que estão a definir o futuro nacional e internacional e que não estão de costas voltadas para a cidade participando em iniciativas locais sempre que os desafiamos.

Nesta conjuntura em que se caminha para a mudança e se quer um novo ciclo futuro de prosperidade para a cidade e país, apelo a todos para que contribuam também para que a nossa cidade se torne ainda mais resplandecente. E não me interpretem porque não sou mal intencionado com estas palavras.

Numa nota final, quero agradecer e desejar longa vida e sucesso aqui ao incipiente Rede Regional.

Artur Casaca, Empreendedor

Facebook.com/artur.casaca

Fotografia: João Pedro Ribeiro



banner fiqueemcasa

 

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

PUB

promo almeirim1

Quem está Online?

Temos 494 visitantes e 0 membros em linha