Qui, 18 Julho 2024

PUB

RODAPE-CONTEUDOS

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias.

Um detido e 12 arguidos por suspeita de integrarem rede de introdução de tabaco em Portugal

A GNR desmantelou esta quinta-feira, 20 de junho, uma rede organizada de introdução de tabaco em Portugal, tendo sido detido um homem, de 42 anos, para cumprimento de pena de prisão efetiva de 12 anos.

A “Operação Mutatis” foi conduzida pela Unidade de Acção Fiscal da GNR de Évora, na sequência de uma investigação a uma organização criminosa internacional que se dedicava à introdução fraudulenta e comercialização ilícita de tabaco proveniente de Espanha em território português.

A investigação, que decorria há cerca de um ano, culminou com o cumprimento de 12 mandados de busca, nove domiciliárias e três em estabelecimentos e armazéns, nos concelhos de Almeirim, Alpiarça, Montijo, Alcochete, Almada e Campo Maior.

No decorrer da ação, foram apreendidos 63,2 quilogramas de tabaco de corte fino, sete veículos, 5.315 euros em numerário, uma arma branca, diverso material para o transporte, acondicionamento do tabaco (sacos, caixas, balanças, etc.) e vários equipamentos informáticos.

Além do detido, outras 12 pessoas, com idades compreendidas entre os 30 e os 65 anos, foram constituídas arguidas e indiciadas da prática de factos suscetíveis de consubstanciar os ilícitos criminais de associação criminosa e introdução fraudulenta no consumo.

Segundo a GNR, ao longo do último ano, apurou-se que “os arguidos terão introduzido em território nacional mais de 1.600 quilos de tabaco de corte fino, com uma prestação tributária em dívida no valor de 266 mil euros”.

Na operação policial estiveram empenhados 44 militares da UAF, tendo contado com o reforço de militares da Unidade de Intervenção (UI) e dos Comandos Territoriais de Santarém e Setúbal.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Relacionadas

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB