Sex, 23 Fevereiro 2024

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias.

Jovens trocam a praia pela construção civil

Cerca de 30 jovens com idades entre os 18 e os 25 anos, na sua maioria estudantes universitários, trocaram o sol e a praia pela construção civil nestas férias de Verão, e estão no concelho da Chamusca a reconstruir habitações de famílias carenciadas.


“Esta casa é desafiante, mas temos aqui imensos voluntários que estão à altura e temos um ambiente ótimo”, disse à Rede Regional Carolina Sarmento, de Lisboa, que conheceu o projeto “Just a Change” o ano passado, “através de amigos”.

{creativeslider id=”15″}
Mesmo confessando que o “trabalho nas obras é puxado”, esta finalista de mestrado explica que teve “uma primeira experiência o ano passado, em Loulé, que foi ótima”, e decidiu voluntariar-se novamente, tal como o bracarense Luís Pedro, que já vai no quarto campo de trabalho.
“Fazemos coisas muito interessantes, não só na parte das obras, mas também em relação às pessoas que estamos a ajudar, e isso é o mais importante”, salienta este estudante de engenharia de gestão de sistemas de informação.
O trabalho no concelho da Chamusca “está a correr muito bem porque temos uma equipa fantástica e um ambiente muito bom, o que ajuda também a que nos possamos divertir”, salienta Luís Pedro.

Recuperar uma casa é recuperar a vida das pessoas
chamusca pinheirogrande justachange 03Os jovens vestem a camisola da “Just a Change”, uma associação sem fins lucrativos que reconstrói entre 50 a 60 residências de famílias carenciadas por ano, em vários pontos do país, movimentando aproximadamente mil voluntários, na sua maioria recrutados nos campus universitários.
“Acreditamos que, ao reabilitar a casa e ao fazer a obra, estamos também a reconstruir a vida destas pessoas. O nosso trabalho tem também uma componente social muito forte”, explica Simão Oom, o diretor executivo da “Just a Change”.
“Somos uma forma de combater a pobreza habitacional, mas queremos também envolver os agentes locais de cada concelho e ter impacto a nível social, dando novas oportunidades às pessoas que ajudamos”, acrescenta o responsável, que quer estender o trabalho da associação a um maior número de municípios.
O trabalho da “Just a Change” vai desde as pequenas reparações pontuais, a nível das divisões das casas ou de telhados e portas, até às reconstruções de maior dimensão, como é o caso desta habitação na freguesia do Pinheiro Grande.
Durante a visita, que decorreu esta terça-feira, 23 de agosto, os responsáveis da associação tiveram a oportunidade de apresentar o seu trabalho a representantes das Câmaras Municipais da Golegã, Almeirim, Constância e Torres Novas, que poderão vir a ser parceiros da “Just a Change”, no futuro.

Municípios conseguem resolver problemas sociais concretos
chamusca pinheirogrande justachange 02Ao abrigo dos protocolos assinados com a associação, as Câmaras Municipais suportam basicamente os custos de aquisição dos materiais necessários às obras, e garantem o alojamento e a alimentação dos voluntários.
No caso da Chamusca, a autarquia investiu cerca de 90 mil euros na reabilitação de oito habitações de famílias sinalizadas pelos serviços sociais do município.
“Uma das grandes vantagens destes protocolos é que permitem fazer intervenções em habitações de famílias carenciadas às quais os municípios não conseguem responder de outra forma, seja pelos procedimentos administrativos ou por outras razões burocráticas, uma vez que estamos a falar de propriedade privada”, explica o presidente da Câmara da Chamusca, Paulo Queimado, acrescentando que os serviços da autarquia acompanham todos os projetos para garantir a legalidade das intervenções.
“Com esta parceria, resolvemos problemas concretos dos nossos concidadãos, garantindo-lhes as condições mínimas de habitabilidade”, sublinha o autarca.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Relacionadas

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB