Sex, 14 Junho 2024

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias.

35 infetados por Covid-19 no Lar de São Domingos da Misericórdia de Santarém

Vinte e seis utentes e nove funcionários do Lar da Santa Casa da Misericórdia de Santarém situado entre São Domingos e as Fontaínhas, testaram positivo ao novo coronavírus e estão em isolamento.


A confirmação foi dada à Rede Regional pelo provedor da instituição, Hermínio Martinho, que explica que o surto começou na semana passada com uma utente que caiu e fraturou uma perna, tendo sido submetida a uma intervenção cirúrgica no Hospital de Santarém (HDS), onde foi testada a Covid-19, inicialmente com resultado dado negativo.

Após regressar ao lar, onde, de acordo com o plano de contingência, ficou em isolamento, a perna da senhora sofreu uma infeção e a idosa regressou ao HDS, onde foi novamente testada, desta vez com resultado positivo.

Hermínio Martinho diz que assim que o resultado foi conhecido, foram testados todos os funcionários que tinham tido contacto com a utente, tendo sido detetados inicialmente 3 casos positivos, o que levou a instituição a testar todos os colaboradores afetos ao Lar de São Domingos, bem como os 65 utentes que estão naquelas instalações.

Após estes testes, cujos resultados foram conhecidos na manhã desta quarta-feira, 21 de outubro, estão contabilizados os tais 35 casos positivos, estando os funcionários em isolamento nas suas residências e os 26 utentes a serem transferidos para outras instalações contíguas ao Lar de São Domingos, propriedade da Segurança Social, que foram equipadas para dar resposta de retaguarda, e onde ficarão também em isolamento.

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Santarém garante que estão a ser tomados “todos os cuidados possíveis” para evitar novos contágios, não só na estrutura residencial de São Domingos, mas também nas instalações situadas na cidade.

Hermínio Martinho assegura ainda que todos os utentes estão a ter acompanhamento médico reforçado desde que a situação foi detetada, havendo uma equipa de 5 médicos e vários enfermeiros e auxiliares a prestarem todos os cuidados aos utentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Relacionadas

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB