Ter, 18 Junho 2024

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias.

Maiores aumentos do IMI em Santarém e Ourém

Os municípios de Santarém e Ourém são, a nível do distrito, os concelhos que registaram um maior aumento de receitas através da cobrança do Imposto Municipal Sobre Imóveis (IMI).

De 2011 para 2012, segundo o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, a Câmara de Santarém arrecadou quase 660 mil euros de IMI, o que corresponde a um aumento de 11,6%, sendo este o concelho do distrito onde se registou a maior subida deste imposto e o 25º a nível nacional.

No período anterior, de 2010 para 2001, o IMI já tinha sofrido um aumento de 8,3%, o que colocou a capital do Ribatejo no 32º lugar do ranking nacional, sempre liderado por Lisboa.

Em Ourém, que se mantém no 31º lugar do ranking nacional em ambos os períodos, a arrecadação de receitas através do IMI registou um aumento de 11,2% de 2011 para 2012, e de 12,2% no período anterior.

No ranking nacional dos 35 municípios que registaram quebras na cobrança de IMI em 2012, surgem quatro concelhos do distrito: Alcanena, no 16º lugar (menos 35.289 euros que em 2011, o que corresponde a uma variação negativa de 2,3%), Coruche, no 19º lugar (menos 22.268 euros que em 2011, o que corresponde a uma variação negativa de 1,6%), Chamusca, em 25º (menos 16.079 euros que em 2011, o que corresponde a uma variação negativa de 3,2%), e Constância, no 33º posto (menos 8.480 euros que em 2011, o que corresponde a uma variação negativa de 2,8%).

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Relacionadas

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB