Sex, 1 Março 2024

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias.

Escola Secundária do Cartaxo inaugura obras de quase 4 milhões

A Escola Secundária do Cartaxo reabriu esta terça-feira, 12 de setembro, com cara lavada após obras de requalificação que custaram mais de 3,8 milhões de euros, e que autarcas e professores definem como “históricas”, sobretudo devido ao tempo e promessas de reparações não concretizadas que passaram desde a identificação de vários problemas estruturais.


“Celebramos hoje um dia histórico para a nossa comunidade educativa e para o nosso concelho. A nossa escola está de parabéns!”, disse o presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, João Ferreira Heitor, durante a inauguração das obras que transformaram a escola de forma profunda, e que a preparam para mais umas décadas ao serviço da educação e da formação de jovens no concelho.

Dos 4,8 milhões gastos, o financiamento direto do município do Cartaxo na obra foi superior a 2 milhões de euros, um fato destacado por João Heitor. “Para uma autarquia com as nossas características, é um esforço muito significativo. Esperamos que se concretize um ajustamento no financiamento, quer por parte dos fundos europeus, quer por parte do ministério da educação”, disse o autarca.

O presidente da Câmara Municipal destacou, ainda, no discurso de inauguração, dois aspetos da obra – por um lado, o longo historial de incapacidade da sua concretização, por outro lado, a necessidade que o executivo encontrou de alterar o projeto inicial para que a requalificação do estabelecimento de ensino respondesse, de facto, às necessidades quer estruturais, quer de sustentabilidade futura e eficiência energética dos edifícios e espaços exteriores, quer às necessidades de ensino e condições de segurança para corpo docente, profissionais e jovens.

O diretor do Agrupamento de Escolas Marcelino Mesquita do Cartaxo, Jorge Tavares, destacou a importância da Escola Secundária do Cartaxo no percurso educativo de milhares de jovens. Elogiou quer os serviços técnicos da câmara, quer o corpo docente e não docente da escola, pelo trabalho extraordinário que desenvolveram e que, segundo disse, foi decisivo para que o novo ano letivo possa ser iniciado na escola, agora renovada.

Os trabalhos executados passaram pela reparação de patologias existentes nos rebocos e elementos estruturais; revestimento das fachadas com um complexo ETICS para melhorar o comportamento térmico, mantendo as características arquitetónicas das fachadas; remodelação/conservação das coberturas, incluindo a substituição de fibrocimento por painel sandwich, e do sistema de impermeabilização de caleiras e de escoamento de águas pluviais; substituição de caixilharia por sistemas com vidro duplo e estores enroláveis; substituição e reparação de portas interiores, de pavimentos, de lambrins e pinturas de tetos e paredes; substituição de redes de infraestruturas de águas, esgotos e ITED; remodelação e melhoramento de espaços existentes como a biblioteca, instalações sanitárias e vestiários; e criação de um auditório com palco e respetivo apetrechamento.

Foram ainda reparados os pavimentos exteriores e remodelados os dois campos de jogos existentes, em betuminoso fino e em relva sintética, colocação de vedação de proteção ao campo de jogos polidesportivo e de equipamento de recreio, bancos, papeleiras e equipamentos desportivos.

A rede de iluminação foi alterada para equipamentos LED, os equipamentos de cozinha renovados, assim como as redes de água, gás, eletricidade e climatização.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Relacionadas

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB