Sex, 21 Junho 2024

PUB

RODAPE-CONTEUDOS

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias.

Treinador ribatejano ajuda seleção nacional de futsal

O treinador do Grupo de Futsal de Achete, Bruno Fuzeiro, faz parte de uma equipa de quatro elementos que está a utilizar um software de edição de vídeo e análise estatística a jogos de várias modalidades desportivas para ajudar a seleção nacional de futsal, que está a participar no campeonato mundial da modalidade, na Tailândia.

Além de Bruno Fuzeiro, integram a equipa Ricardo Lobão, treinador dos “Leões de Porto Salvo”, Simão Assunção, observador analista do S.L. e Benfica, e Pedro Catita, comentador de futsal da RTP.

Depois de terem feito alguns testes nos jogos do estágio de preparação que a seleção nacional fez em Rio Maior e nas Caldas da Rainha, a equipa aceitou o convite da VideObserver, proprietária do software, para fazer a análise exaustiva às prestações do Paraguai – adversário de Portugal nos oitavos-de-final – nos jogos realizados a contar para o Grupo A do Campeonato do Mundo de 2012 (veja AQUI).

“A ideia de analisar os próximos adversários de Portugal no Mundial da Tailândia nasceu numa conversa minha com o André Rocha, mentor do VideObserver, onde discutíamos as potencialidades do software. Assim, mesmo à distância, quisemos dar o nosso apoio à seleção nacional”, explica o técnico ribatejano ao Rede Regional.

O facto dos jogos serem analisados por três treinadores permite outros tantos olhares diferentes sobre o mesmo adversário, um trabalho que é posteriormente completado com o resumo final do comentador de futsal da RTP.

As análises serão publicas e compostas por dados estatísticos, vídeos e análise pessoal de cada um dos treinadores, e a informação já foi enviada ao seleccionador nacional, Jorge Braz. “Esperamos assim dar um pequeno contributo no alcançar dos objectivos da nossa selecção”, acrescenta Bruno Fuzeiro.

Analisando o VideObserver, o técnico descreve-o como “uma ferramenta que permite a edição de vídeo, análise técnico-tática e partilha de dados entre os elementos da equipa. “Uso-a para analisar os meus adversários, assim como as prestações da minha equipa, e tem-se provado extremamente útil. Além de permitir ter um melhor conhecimento dos adversários, permite a partilha online desse conhecimento com os atletas”, termina.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Relacionadas

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB