Seg, 20 Maio 2024

PUB

RODAPE-CONTEUDOS

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias.

Rio Maior quer continuar a criar condições de excelência para os atletas

abrantesconcursoleitura

“Que Rio Maior nunca se afaste do propósito de continuar a criar condições de excelência para os nossos atletas”. A frase é do presidente do Conselho de Administração da Empresa Municipal de Desporto de Rio Maior (Desmor), Carlos Coutinho, e foi proferida na tarde desta quarta-feira, 5 de novembro, durante a assinatura do protocolo de constituição da Comissão de Gestão Local do Centro de Alto Rendimento (CAR) de Rio Maior, dedicado à Natação.

Esta nova entidade, que terá uma vigência de 4 anos e inclui a Câmara de Rio Maior, a Desmor, a Federação Portuguesa de Natação (FPN) e a Escola Superior de Desporto de Rio Maior, tem como principal missão proceder a uma diferenciação positiva para o trabalho e resultados de excelência, visando a possível inclusão de atletas formados no CAR em ambiente olímpico, no campo da natação.

A presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, Isaura Morais, que é também presidente da Mesa da Assembleia Geral da Desmor, reforçou o desejo expresso por Carlos Coutinho, recordando a decisão estratégica de apostar no desporto como polo de desenvolvimento do concelho, e recordando o esforço que ao longo dos anos foi realizado em Rio Maior na construção de infraestruturas de excelência.

A autarca frisou no entanto a necessidade de acesso a outro tipo de apoios, exemplificando com o trabalho que a Desmor tem feito em termos de promoção internacional do complexo desportivo de Rio Maior, um esforço que, em seu entender, devia ter o apoio, entre outros, do Turismo de Portugal.

Carlos Coutinho aproveitou também a presença do presidente da Fundação do Desporto, Carlos Marta, para lhe dirigir um apelo: “Rio Maior precisa do seu apoio e da sua determinação nesta nova fase. Se até aqui foi determinante, a Fundação do Desporto terá, no futuro, um papel fundamental. Seja por via do financiamento, seja por via da promoção integrada, fundamental para a nossa sustentabilidade”.

A cerimónia de assinatura do protocolo contou com a presença do secretário de Estado do Desporto e Juventude, Emídio Guerreiro, que elogiou o bom trabalho da Desmor e da federação de natação que, em seu entender, já trabalham tão bem que nem necessitavam deste documento.

O presidente da FPN, António José Silva, também considerou que o CAR de Rio Maior foi uma aposta ganha, salientando que de 3 nadadores em 2012, o projeto de treino passou a integrar 12 nadadores este ano. “Acredito tanto neste projeto que o meu filho está aqui”, afirmou mesmo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Notícias Relacionadas

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

PUB