PUB

chamusca ja te dou o arroz

PUB

insantarem

torresnovasmarialamaspremio

Virgínia Baptista, autora de tese de doutoramento “Proteção e direitos das mulheres trabalhadoras em Portugal (1880-1940)”, é a vencedora do prémio Maria Lamas de Estudos sobre a Mulher, Género e Igualdade (PML 2016), promovido pela Câmara de Torres Novas.

A decisão do júri, constituído por Miguel Vale de Almeida (ISCTE-IUL), Inês Brasão (IPL) e Ana Maria Brandão (UM) foi unânime em atribuir o prémio a Virgínia Baptista, no valor de 3.000 euros.

A cerimónia de entrega está marcada para o próximo dia 9 de julho, às 16 horas, no museu municipal Carlos Reis, numa sessão solene que conta com um momento musical dos alunos do conservatório de música do Choral Phydellius, e a apresentação da performance artística intitulada "Morro onde me prendo", da autoria de Susana Domingos Gaspar, com a banda Chão da Feira.

Nascida em Lisboa, em 1958, a vencedora é licenciada em História pela Faculdade de Letras de Lisboa, mestre em História Moderna e Contemporânea pelo ISCTE-IUL, tendo igualmente obtido o doutoramento nesta universidade.



banner comer em casa

 

PUB

PUB

Rede Regional

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

salvaterra jornadas cultura

PUB

Quem está Online?

Temos 491 visitantes e 0 membros em linha