PUB

ascencao22

PUB

banner cms 25abril

FOTO de Arquivo / Ilustrativa

A vila de Coruche está a acolher, até 12 de outubro, a XXX Edição da Feira do Livro, com o tema genérico “A minha terra”, assinalada com a exposição de artes plásticas de Fernando Andrade, com o mesmo tema.

Ao longo destes doze dias vão estar disponíveis obras literárias com descontos entre 10% a 15%, muitos saldos e promoções e um programa vasto com espetáculos, sessões com diversos autores, destinadas a todos os públicos, dando particular atenção à comunidade escolar (ensino Pré-escolar e 1º Ciclo) mas também aos seniores, estando organizadas várias visitas de grupos de idosos à Feira, visto que a data assinala não só o dia nacional do idoso (dia 1 de outubro e data da inauguração) como se integra nas restantes iniciativas do concelho para celebrar esta data.

De destacar para o público em geral a presença de Pedro Chagas Freitas, que tem-se mantido nos lugares cimeiros do top da Fnac há já várias semanas e o espetáculo sobre Almada Negreiros, a Geração de Orpheu e Fernando Pessoa, entre muitos outros momentos.

Para mais informações consulte www.cm-coruche.pt

abrantesprotocoloUAb

A Universidade Aberta (UAb) vai instalar o Centro Local de Aprendizagem de Abrantes no Edifício Pirâmide, onde os alunos desta instituição passarão a dispor de um centro de documentação, biblioteca e uma sala com dois computadores.

O protocolo de cooperação foi assinado na terça-feira, 30 de setembro, entre Maria do Céu Albuquerque, a presidente da Câmara de Abrantes, e Paulo Silva Dias, o reitor da UAb, universidade pública de ensino a distância que está na cidade desde 2008 através de uma parceria com a autarquia.

A parceria com a escola é “um privilégio que nos orgulha”, referiu Céu Albuquerque, considerando que "qualifica a cidade e o território, e promove a acessibilidade à aprendizagem".

A autarca salientou ainda que, num tempo de crise económica e financeira em que o desemprego é uma realidade para muitas famílias, "disponibilizar estes dispositivos aos cidadãos é contribuir para terem acesso a novas oportunidades, quer na escolaridade normal, quer enquanto trabalhadores ativos".

Paulo Silva Dias, Reitor da UAb, salientou a necessidade de aproximação às autarquias para encontrar soluções práticas com vista à qualificação da população “servindo o país e a lusofonia”.

bibliotecas rede

A Câmara Municipal de Santarém aderiu este semana ao Programa da Rede Nacional de Bibliotecas Escolares do Ministério da Educação, um projeto que disponibiliza um sistema integrado de gestão de informação que permite o acesso a um conjunto de funcionalidades, possibilitando às bibliotecas escolares a divulgação de informação específica sobre os diferentes aspetos da sua atividade. 

O presidente da Câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves, considera que “esta era uma lacuna que havia nas escolas" e que o desenvolvimento de uma rede de bibliotecas escolares no concelho "será fundamental para o projeto educativo" que a autarquia quer levar a cabo.

A vereadora com o pelouro da Educação, Inês Barroso, acrescentou que este projeto vai enriquecer o trabalho nas escolas do concelho e é "uma grande oportunidade para os alunos, que vão poder interagir, partilhar conhecimentos e consultar o vasto espólio" desta rede de bibliotecas.

O Programa Rede de Bibliotecas Escolares (PRBE) foi lançado em 1996, pelos Ministérios da Educação e da Cultura, com o objetivo de instalar e desenvolver bibliotecas em escolas públicas de todos os níveis de ensino, disponibilizando aos utilizadores os recursos necessários à leitura, ao acesso, uso e produção da informação em suporte analógico, eletrónico e digital.

A assinatura do acordo de cooperação foi efetuado no dia 24 de setembro, entre o município scalabitano, os agrupamentos escolares e a Direção-Geral de Estabelecimentos Escolares (DGEstE).

Mais artigos...

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

PUB

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

armyaqua

PUB

almeirim adocao

Quem está Online?

Temos 618 visitantes e 0 membros em linha