PUB

cm chamusca sopas

PUB

banner tasquinhas2023

PUB

cms 25abril

PUB

clickaporta

entroncamentoplantararvores

Dezenas de alunos das escolas do concelho do Entroncamento plantaram cerca de 160 sobreiros no parque verde do Bonito nos dias 26 e 27 de novembro, no âmbito da 6ª edição da semana da reflorestação nacional.

As árvores plantadas foram oferecidas às escolas do 1º ciclo e dos jardins de infância do concelho pelo município no passado mês de março, aquando do "dia mundial da árvore", tendo os alunos tratado e cuidado delas ao longo destes meses.

Os alunos levaram ainda para as escolas um vaso com uma bolota, de modo a que para o ano possam plantar novos sobreiros, promovendo assim a regeneração da floresta.

Esta iniciativa reuniu alunos das escolas EB António Gedeão, JI Sophia de Mello Breyner Andresen, EB Zona Verde e EB do Bonito, tendo ainda colaborado no dia 27 os alunos do Jardim Escola João de Deu, Infantário Encoprof e Colégio dos Navegantes.

santaremsobralarvores01

Cerca de 20 crianças do jardim de infância e da escola básica do 1º ciclo do Sobral plantaram 15 sobreiros no terreno junto à capela desta aldeia na freguesia de S. Vicente do Paul, concelho de Santarém, na tarde desta quarta-feira, 25 de novembro.

Esta ação de educação ambiental foi promovida pela Câmara de Santarém no âmbito do "dia da floresta autóctone", e serviu para ensinar aos mais pequenos a importância da biodiversidade e da preservação ambiental.

Acompanhados pelas educadoras e professoras, os jovens alunos levavam a lição bem estudada, sabiam o que iam plantar e até construíram pequenos canteiros para proteger as árvores e ajudá-las a vingar.

santaremsobralarvores02Inserido no âmbito da semana da reflorestação nacional, a autarquia promoveu também a criação de um sumidouro de CO2 no concelho, ao plantar 320 sobreiros em Casal dos Aciprestes, também em São Vicente do Paul.

As árvores foram colocadas num terreno particular de uma família que se comprometeu a cuidar delas ao longo dos anos e a permitir a monitorização do seu crescimento pela equipa técnica do município, para efeito do cumprimento de uma das medidas do “Pacto de Autarcas”, concretamente a promoção de sumidouros para a captura e sequestro de dióxido de carbono.

As 320 árvores foram as que sobraram do projeto “raízes da sustentabilidade”, que decorreu na Casa do Ambiente durante todo o Verão, e que ofereceu um sobreiro a todos os munícipes que o pediram, desde que reunissem as condições para a sua plantação e preservação.

Aderiram a este projeto 76 famílias, que passaram a integrar a rede municipal das “Famílias dos Sobreiros”.

riomaiorturmamusica

O Agrupamento de Escolas Marinhas do Sal, no concelho de Rio Maior, vai ter uma turma de ensino especializado de música a funcionar já durante este ano letivo.

Esta turma, composta por 23 alunos do 5º ano, vai funcionar graças a um protocolo assinado entre a direção do agrupamento, a Câmara de Rio Maior e a Academia de Música de Alcobaça, que coordenará toda a parte técnica e administrativa do projeto, nas diversas áreas da formação musical.

A fatura do projeto será suportada pela Câmara Municipal, que vai transferir para o agrupamento das Marinhas do Sal uma verba de 27.600 euros.

Este protocolo é válido para o presente ano letivo, estando assegurado pela Academia de Música de Alcobaça a continuidade deste tipo de ensino nos anos seguintes, segundo uma nota de imprensa da Câmara de Rio Maior.

Esta academia é uma entidade acreditada junto do Ministério da Educação para este tipo de ensino, e colabora já com a autarquia no "PIP-Rio", um projeto de intervenção precoce desenvolvido pela Santa Casa da Misericórdia local na área da musicoterapia.

Mais artigos...

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

ar myaqua

PUB

banner liga cancro

Quem está Online?

Temos 656 visitantes e 0 membros em linha