PUB

ascencao22

PUB

banner cms 25abril

chamuscacarregueiraacademiasenior02

A academia sénior da Carregueira, uma freguesia do concelho da Chamusca, iniciou oficialmente as suas atividades letivas no sábado, 8 de novembro.

O descerramento oficial da placa foi feito pela aluna Fernanda Protássio, de 81 anos, acompanhada pela presidente da Assembleia de Freguesia da Carregueira, Elisabete Albuquerque.

Nesta fase de arranque, o projeto conta já com 30 alunos inscritos e 15 professores voluntários para dirigir as atividades.

"Apesar desta freguesia ser a que apresenta o menor fundo de financiamento a nível concelhio, trabalhamos arduamente pela melhoria da qualidade de vida dos nossos fregueses", destacou Joel Marques, o presidente da Junta de Freguesia, durante a abertura.

Paulo Queimado, o presidente da Câmara da Chamusca, também marcou presença da cerimónia, e elogiou o trabalho pioneiro da Carregueira, manifestando ainda o interesse em replicar a iniciativa noutras freguesias do concelho.

salvaterraseminario

"A voz dos inocentes - reflexões sobre os abusos sexuais de menores" é o nome do seminário que a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Salvaterra de Magos vai realizar no próximo dia 26 de novembro, no auditório da Escola Profissional de Salvaterra de Magos.

A sessão de abertura conta com a presença de Armando Leandro, presidente da Comissão Nacional Crianças e Jovens em Risco, Helder Esménio, presidente da Câmara de Salvaterra de Magos, Tiago Leite, diretor da Segurança Social de Santarém, e Catarina Vaz, presidente da CPCJ local.

A iniciativa divide-se depois em dois painéis, um durante a manhã subordinado ao tema "procedimentos nos casos de suspeita de abuso sexual contra crianças e jovens", e o outro, à tarde, denominado abordagens.

Os painéis vão contar com participação de quadros superiores e técnicos do Ministério Público, da Polícia Judiciária e GNR, entre outros especialistas no tema.

cartaxorefeicoesescolares

O serviço de fornecimento de refeições escolares no concelho do Cartaxo vai ser asseguradas por seis instituições particulares de solidariedade social (IPSS's) e uma Junta de Freguesia, a de Pontével, durante o ano letivo de 2014 / 2015.

Estas entidades já assinaram os acordos de colaboração com a Câmara Municipal do Cartaxo, que vai pagar cerca de 611 mil euros pelo fornecimento de duas refeições diárias - almoço e lanche - a 1.380 alunos de 19 escolas do concelho.

Segundo uma nota de imprensa da autarquia, os valores acordados oscilam entre os 2,80 e os 2,45 euros, dependendo de haver ou não lugar ao transporte das refeições ou das crianças, bem como do serviço ser feito por funcionários da instituição ou dos agrupamentos.

As ementas seguiram as normas definidas a nível nacional com vista a garantir às crianças uma alimentação saudável e equilibrada, e vão ser definidas mediante o planeamento de uma nutricionista, que vai também prestar apoio na sua confeção junto das entidades envolvidas.

Na reunião onde os acordos foram assinados, o presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, frisou que o preço a pagar por refeição seria mais baixo caso a autarquia optasse por entregar o fornecimento a uma empresa privada, mas justificou que o acordo com as IPSS's do concelho "vai muito para além do serviço acordado, quer pela proximidade às famílias e conhecimento de situações que escapam a quem não tem a vossa vocação de serviço público”.

Mesmo assim, o autarca agradeceu às instituições o facto de terem reduzido o valor unitário a pagar pelas refeições.

Além da Junta de Freguesia de Pontével, as refeições vão ser fornecidas pela Associação Comunitária de Assistência Social de Vila Chã de Ourique, Associação O Tejo – Centro de Dia de Valada, Centro Social Paroquial da Ereira, Associação Comunitária de Vale da Pedra, Jardim de Infância do Cartaxo e Centro de Dia da Lapa.

Mais artigos...

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

PUB

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

armyaqua

PUB

almeirim adocao

Quem está Online?

Temos 496 visitantes e 0 membros em linha