PUB

cm chamusca covid

PUB

banner fna2021

PUB

cms fna2021

PUB

castelo bode

torresnovasbiblioteca

"Torres Novas e os projetos europeus de educação e cultura - experiência 2007-2013 e oportunidades 2014-2020" é o nome do seminário que vai decorrer na biblioteca municipal Gustavo Pinto Lopes, em Torres Novas, no próximo dia 12 de novembro, a partir das 15 horas.

A primeira parte da iniciativa "é dedicada à apresentação de projetos desenvolvidos no anterior quadro de financiamento comunitário (2007-2013), incluindo parcerias das escolas do concelho e o projeto Comenius Regio dos Municípios de Torres Novas e Aalborg, na Dinamarca (2012-2014)", explica uma nota de imprensa da autarquia.

Na segunda metade, Fabrícia Pereira, do centro de informação Europe Direct de Santarém, fará uma "abordagem global aos novos instrumentos europeus disponíveis para projetos nas áreas da educação, cultura, juventude e desporto até 2020", acrescenta o mesmo documento.

O seminário tem como público alvo a comunidade educativa e os representantes de instituições sociais, culturais e desportivas do concelho.

alpiarcaestudantesfranceses

Um grupo de 13 estudantes da escola profissional francesa Centre de Formation par Apprentissage Agrícole du Loiret, acompanhados por dois monitores, está a realizar um estágio curricular em Alpiarça, à semelhança do que já acontece desde 2011.

Sete destes jovens estão a realizar o seu estágio na área da produção agrícola, tendo três sido colocados na empresa Alcides Catroga e quatro AgroAlpiarça.

Quanto aos restantes, quatro são da área da floricultura e estão na empresa Adoraflor, e os restantes dois estão Câmara Municipal de Alpiarça, na área de jardins e espaços verdes.

A exemplo dos anos anteriores, além do trabalho de campo, os alunos e os professores cumprem um programa que inclui visitas a locais de interesse como a Casa dos Patudos, a Reserva Natural do Cavalo do Sorraia, a Barragem dos Patudos ou o Patacão, entre outros.

O grupo, que está em Alpiarça desde o dia 6 de outubro, já visitou o Centro de Formação dos Gagos e a empresa Monliz.

santaremginestalmachado

Numa iniciativa que visa assinalar o dia mundial da alimentação, o agrupamento de escolas Dr. Ginestal Machado vai construir uma "roda dos alimentos solidária" no pátio da escola sede, na próxima quinta-feira, 16 de outubro.

Esta "roda dos alimentos solidária" vai ser constituída com géneros alimentares oferecidos por alunos, pais, professores e funcionários, que serão depois doados ao Banco Alimentar de Santarém para assinalar o dia mundial da erradicação da pobreza instituído pela ONU, na sexta-feira seguinte.

Ou seja, esta ação cumpre o duplo objetivo de sensibilizar para a importância de uma alimentação saudável e de chamar a atenção para a problemática da fome, pobreza e desnutrição no mundo.

Para preencher os oito grupos alimentares da roda dos alimentos, foram solicitados bens específicos a cada ano de escolaridade, "num apelo que será acompanhado de informação e fomento de debate sobre a temática da alimentação saudável", explica uma nota de imprensa da organização.

A "roda dos alimentos solidária" é organizada pelo agrupamento Dr. Ginestal Machado em parceria com o Núcleo de Saúde Escolar da Delegação de Saúde de Santarém, a Câmara Municipal e as associações de pais das escolas do agrupamento.

Mais artigos...

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

ipsantarem mestrados

PUB

Anuncio AR Chamusca

PUB

almeirim sopapedra

Quem está Online?

Temos 471 visitantes e 0 membros em linha