PUB

chamusca covid continua

PUB

cms riscos

Imagem de Arquivo / Ilustrativa

A Câmara Municipal do Cartaxo quer retirar o Jardim de Infância de Vila Chã de Ourique da lista de estabelecimentos de ensino anunciada pelo Governo a 8 de julho para a remoção de amianto e incluir na mesma a Escola secundária do Cartaxo.

Slide thumbnail

A autarquia justifica a decisão, já comunicada à Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT), pelo facto do referido jardim de infância já não ter estruturas com amianto, ao contrário da secundária, onde ainda há várias zonas com este material perigoso.

No despacho aprovado pelo Governo estão ainda a Escola Básica D. Sancho I, em Pontével, a Escola Básica de Casais Penedos, a Escola Básica José Tagarro no Cartaxo e a Escola Básica n.º 2 do Cartaxo.

A CIMLT tem a decorrer uma ação coordenada dos municípios com situações idênticas, para que os valores previstos possam ser usados noutros estabelecimentos de ensino não incluídos no despacho, e o presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, quer ver esta verba usada na Escola Secundária do Cartaxo. O prazo para apresentação das candidaturas termina a 31 de outubro de 2020.

Para o autarca, a decisão de financiar a remoção das estruturas com amianto dos estabelecimentos de ensino é “uma excelente notícia para as crianças e jovens, mas também para professores e técnicos.

Os custos financeiros da medida serão suportados a 100% pelos Programas Operacionais Regionais – no caso do Cartaxo, pelo Alentejo 2020.

A utilização de fibras de amianto foi proibida no quadro normativo nacional em 2005.



banner fiqueemcasa

 

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

PUB

promo almeirim1

Quem está Online?

Temos 685 visitantes e 0 membros em linha