Os alunos do 9º D da Escola Alexandre Herculano, em Santarém, decidiram utilizar o dinheiro que tinham conseguido juntar através de várias iniciativas destinadas a recolher fundos para a sua viagem de finalistas para comprarem máscaras de proteção, que ofereceram à Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão com Deficiência Mental (APPACDM) de Santarém.

Slide thumbnail

Após o final das aulas presenciais, em março, e apesar de não se terem voltado a encontrar fisicamente devido às restrições impostas pela pandemia de Covid-19, que inviabilizou também a viagem de finalistas, foram desenvolvendo a ideia nas aulas de Português e Direção de Turma e Educação para a Cidadania (DTEC), e, após votação onde foram sugeridas várias instituições, a maioria escolheu a APPACDM.

O donativo de 600 máscaras de proteção individual foi bem acolhido pela instituição, que apoia mais de duzentos utentes, uma boa parte no lar residencial no Vale de Santarém, onde foi feita a entrega, e nos dois lares de apoio e duas residências autónomas em Santarém e no Cartaxo.