cartaxo empreendedorismo

Dois projetos desenvolvidos no Cartaxo, na área do apoio social, foram reconhecidos como Iniciativa de Alto Potencial em Inovação e Empreendedorismo Social, numa cerimónia que decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian a 21 de Janeiro.

A Câmara Municipal recebeu a distinção pelo trabalho da área de Ação Social e Saúde, no âmbito do Projeto Educação Parental. As técnicas municipais de ação social têm desenvolvido atividades de suporte que visam ajudar os pais a compreender as suas necessidades - sociais e emocionais - e as dos seus filhos, com vista a qualidade das relações parentais e a capacidade de resolução de problemas familiares, desenvolvendo estratégias de parentalidade positiva.

O presidente da autarquia, Pedro Magalhães Ribeiro, considera que “o projeto Educação Parental, tem acumulado ao longo dos anos resultados muito positivos, que aferimos quer pela participação dos pais, que tem sido ativa e contínua, quer pela avaliação que as técnicas municipais que conduzem os trabalhos, e as entidades parceiras, fazem dos resultados obtidos”.

O autarca acrescenta que “este é um projeto que queremos aprofundar e alargar, pelos benefícios que traz às famílias e à própria integração dos jovens na comunidade escolar, promovendo de facto a coesão social no concelho”.

 A Cruz Vermelha Portuguesa - Centro Humanitário de Santarém/Cartaxo, foi também distinguida pelo seu projeto Espaço Solidário - Coração Vermelho, como ES+ Iniciativa de Alto Potencial em Inovação e Empreendedorismo Social.

Os dois projetos fazem agora parte do MIES – Mapa de Inovação e Empreendedorismo Social, um projeto de investigação, que tem como objetivo mapear iniciativas de elevado potencial de empreendedorismo social no Norte, Alentejo e Centro do País.