Economia

A Águas do Ribatejo lançou um concurso público para a obra de reabilitação profunda do reservatório elevado do Morais, na Chamusca, uma infraestrutura que apresenta já sinais de degradação ao nível estrutural, e que será requalificada na íntegra e dotada de novos equipamentos.

Slide thumbnail

A empreitada “prevê a recuperação integral de toda a estrutura, construção de equipamentos de segurança, substituição das componentes hidráulicas e das instalações elétricas”, pormenoriza uma nota de imprensa da empresa intermunicipal, onde se lê que os “trabalhos devem arrancar no segundo semestre de 2021 prevendo-se a conclusão em 2023”.
Os trabalhos nos arranjos exteriores contemplam “a vedação do recinto existente e a construção de um novo arruamento de acesso ao reservatório”, assim como a “construção das condutas de adução e de distribuição que serão implantadas no referido arruamento”, adianta a mesma nota.