PUB

chamusca covid continua

PUB

cms riscos

Economia

Contrariando o cenário de crise em que o país se encontra, os vinhos do Tejo cresceram cerca de 27 por cento em termos de volume de vendas e 21 por cento em termos de valor.

Os números, que se referem ao primeiro trimestre deste ano e foram obtidos em comparação ao período homólogo de 2011, transformam a região vitivinícola do Tejo na que registou melhor desempenho ao nível das vendas de vinho certificado em território nacional.

Os dados, avançados pelo Ministério da Agricultura, do Mar e Ordenamento do Território, basearam-se em números divulgados pela consultora Nielsen, e permitem chegar à conclusão que os vinhos do Tejo atingiram um novo máximo no que respeita à sua quota de mercado em Portugal, que se fixa agora nos 5,3%, equivalentes a um total de €3,5M no trimestre.

Para o presidente da Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo), José Pinto Gaspar, as razões do sucesso no desempenho recente alcançado pelos vinhos da região assentam, sobretudo, na competitividade e qualidade da marca ‘Vinhos do Tejo’ e na divulgação desses mesmos factores junto do consumidor nacional.

“São cada vez mais os portugueses que já conhecem a real qualidade e competitividade dos vinhos do Tejo e o atingir desse patamar deve-se também ao esforço que, em sintonia com os produtores da região, temos realizado no que respeita ao desenvolvimento constante de estratégias de marketing e promoção dos nossos produtos junto do consumidor”, refere o responsável.



banner fiqueemcasa

 

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

PUB

promo almeirim1

Quem está Online?

Temos 715 visitantes e 0 membros em linha