PUB

chamusca covid responsavel

PUB

banner cms escola

Economia


As exportações de vinhos do Tejo para países da Europa registaram um crescimento de 49,3% no primeiro trimestre de 2012, em comparação com o período homólogo do ano passado.

Entre Janeiro e Março, foram vendidos para os mercados europeus 807 mil litros de vinho da região, superando assim os 540 mil litros registados em 2011, segundo os números divulgados pela Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo).

“Suécia, Inglaterra e Alemanha encabeçam o topo da lista dos países da Europa que mais apreciam os vinhos do Tejo, tendo sido, no seu conjunto, responsáveis pela compra de mais de 611 mil litros de vinho”, adianta a CVR Tejo em comunicado, onde salienta que “fora do perímetro da União Europeia, o saldo do desempenho das vendas trimestrais é também positivo”.

Neste capítulo, Angola, China, Estados Unidos e Brasil foram os países que mais compraram néctares ribatejanos, “consubstanciando um aumento de 27% comparativamente ao último ano”.

Segundo José Pinto Gaspar, presidente da CVR Tejo, este bom desempenho é “devido à sua relação qualidade / preço e ao reconhecimento granjeado nas mais exigentes competições internacionais”.

“No cômputo geral deste primeiro trimestre, a certificação cresceu 5,8%, o que significa que ultrapassamos já a marca dos três milhões de litros autenticados”, salienta o mesmo responsável, sublinhando que a certificação de vinhos “está a subir pelo sexto ano consecutivo”.

 



PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

almeirim melao

Quem está Online?

Temos 595 visitantes e 0 membros em linha