PUB

chamusca covid continua
Slide thumbnail

PUB

santarem embreve

Economia

Com os objectivos de atrair selecções nacionais de todo o mundo e atletas de alta competição durante a fase de preparação para os jogos olímpicos Londres 2012 e de se promoverem a nível interno, cinco centros de alto rendimento lançaram o projecto “ambição olímpica” em Rio Maior, na sexta-feira, 16 de Março.

O conceito, desenvolvido pelos centros de Rio Maior (natação), Caldas da Rainha (badminton), Jamor (atletismo, ténis, rugby, tiro com arco e golfe), Anadia (ciclismo) e Montemor-o-Velho (triatlo), servirá também para promover a identidade nacional e o espírito olímpico, segundo o que foi explicado na cerimónia de apresentação, que contou com a presença do ministro Miguel Relvas.

Miguel Relvas, em nome do governo, associou-se “a esta iniciativa privada apostada em divulgar os princípios contidos na carta olímpica e promover junto dos portugueses os nossos atletas que competirão em Londres”, segundo o que consta de uma nota de imprensa da Desmor, empresa municipal que gere o complexo desportivo de Rio Maior.

Sobre os Centros de Alto Rendimento, Miguel Relvas declarou, que, "são hoje procurados por treinadores e atletas estrangeiros para estagiar devido às condições excepcionais que aqui encontram nas mais diversas modalidades”. “O governo continuará a contribuir para a promoção nacional e internacional” destas unidades, prometeu o ministro, convicto de que estes “se manterão como fontes inspiradoras de novos sucessos dos atletas nacionais no plano desportivo ao mais alto nível”.

Além de representantes das Câmaras Municipais envolvidas, o lançamento do projecto contou com a presença do presidente Comité Olímpico de Portugal (COP), Vicente Moura, de Nuno Delgado, adjunto da missão olímpica portuguesa, e dos campeões olímpicos Carlos Lopes, Rosa Mota e Fernanda Ribeiro. A apresentação foi antecedida do segundo encontro da missão olímpica, que decorreu no centro de estágios de Rio Maior, e que levou à cidade muitos dos presidentes das federações desportivas e grande parte dos atletas e respectivos treinadores, já qualificados para os Jogos Olímpicos de Londres.

Segundo a Desmor, esta iniciativa tem o apoio do COP e da Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto, “sendo o primeiro projecto da Identidade Nacional”, em que Luis Segadães (o mesmo que está por detrás dos concursos “7 maravilhas”) “é o promotor e organizador da ambição olímpica.”



banner fiqueemcasa

 

PUB

PUB

PUB

  • jorge_malacas.jpg

PUB

rede regional banner contactos essenciais

PUB

promo almeirim

Quem está Online?

Temos 864 visitantes e 0 membros em linha