As piscinas municipais do Entroncamento reabriram ao público esta segunda-feira, 4 de outubro, depois de concluída a intervenção de fundo implementou um conjunto de medidas de melhoria da eficiência energética e da sustentabilidade do edifício.

wshoppingSlide thumbnail

A empreitada “Eficiência Energética no Edifício das Piscinas Municipais do Entroncamento” “incidiu principalmente na substituição da cobertura e alçado sul por vãos envidraçados com vidro duplo, substituição da iluminação existente por LED’s e instalação de um sistema de painéis fotovoltaicos para autoconsumo, bem como a criação de um novo espaço polivalente intermédio entre outros”, explica uma nota de imprensa da Câmara do Entroncamento.
A obra teve um custo total a rondar os 817 mil euros, num investimento dividido entre a Câmara, que suportou cerca de 371 mil euros, e o restante pago por fundos europeus.
Segundo a mesma nota, “os utilizadores deste equipamento desportivo municipal podem agora praticar as suas atividades habituais, com melhores condições, contando com vigilância de nadador salvador, cumprindo todas as novas normas em vigor”.