PUB

chamusca covid responsavel

PUB

banner cms riscos

A utilização irregular de um jogador por parte do Lourinhanense levou à eliminação da equipa da Taça de Portugal, permitindo à União de Santarém seguir em frente na prova.

Slide thumbnail

A decisão foi revelada num comunicado do Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), divulgado nesta sexta-feira. No documento pode ler-se que a equipa da Lourinhã foi punida com derrota por 3-0, e consequentemente eliminada da prova, por ter alinhado com Renato Martins, que cumpria dois jogos de castigo relativos à época passada.

O jogador em causa, que chegou esta época ao Lourinhanense, foi expulso na edição da Taça de Portugal de 2019/2020, quando estava no Pêro Pinheiro, sendo que o castigo tem de ser cumprido na mesma competição.

Com esta decisão, fica sem efeito o resultado do jogo realizado esta quarta-feira entre as duas equipas, que o Lourinhanse venceu por 1-0, após prolongamento, com a União de Santarém a seguir em frente para a segunda eliminatória, onde, no dia 28 de outubro, vai a Vila Verde (Braga) defrontar a equipa local.

O vencedor deste jogo já tem adversário na terceira eliminatória, onde vai ser anfitrião do Olímpico do Montijo.

MAIS UM JOGO ADIADO POR COVID
Esta sexta-feira ficou também a saber-se que o jogo que se deveria realizar no domingo, no Campo Chã das Padeiras, entre a União de Santarém e o 1º de Dezembro, a contar para quarta jornada do Campeonato de Portugal, foi adiado devido a casos de covid-19 na equipa forasteira.

Este é já o terceiro jogo da União de Santarém adiado por este motivo (foram já adiados os confrontos com o União de Almeirim e Lourinhanense), sendo que a partida está agora marcada para 1 de Dezembro, terça-feira.

O jogo entre o CD Fátima e o FC Alverca, que se deveria realizar também este domingo, foi adiado para 15 de novembro.



leziria startup

 

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

Scalhidraulica

Quem está Online?

Temos 542 visitantes e 0 membros em linha