No âmbito das celebrações do centenário do nascimento de José Saramago, vai ter lugar esta sexta-feira, 2 de setembro, às 12 horas, a colocação da primeira pedra com o nome de uma personagem saramaguiana numa das 99 oliveiras que se encontram já plantadas na aldeia natal do escritor.

wshoppingSlide thumbnail

Este ato simbólico na Azinhaga, concelho da Golegã, contará com a presença da filha do Prémio Nobel da Literatura, Violante Saramago Matos.

wshoppingSlide thumbnail

“Cem Oliveiras para Saramago” é um projeto da Fundação José Saramago e da família do escritor, com o apoio da Câmara Municipal da Golegã e Junta de Freguesia de Azinhaga, em que a Rua Victor Manuel da Guia, na Azinhaga, contará com 100 oliveiras plantadas em homenagem a José Saramago, sendo que cada uma das árvores receberá o nome de uma personagem das suas obras.
O projeto, que foi apadrinhado por um agricultor da região, Manuel Coimbra, que ofereceu as 100 árvores, terminará no dia 16 de novembro (data em que José Saramago faria 100 anos), com a plantação da 100ª oliveira.
A oliveira, também centenária, receberá o nome da sua avó materna, Josefa.