"Catedral e Museu Diocesano de Santarém" é o nome da obra lançada por Joaquim Ganhão, diretor do Museu Diocesano de Santarém, e coordenada Eva Raquel Neves, a conservadora do museu, que foi apresentada ao público na Catedral de Santarém.

wshoppingSlide thumbnail

Esta publicação, segundo uma nota de imprensa da Câmara de Santarém, “teve a sua génese em 2011, por ocasião das comemorações dos 300 anos da edificação da Catedral, desenvolveu-se após a implementação da Rota das Catedrais e a consequente abertura do Museu Diocesano de Santarém”.
O livro reúne “sete estudos históricos e artísticos sobre o edifício do antigo Colégio Jesuíta, Igreja e património artístico, contando com os contributos de conceituados especialistas em cada matéria”, acrescenta a mesma nota.
A monografia sobre a Catedral é complementada com um estudo catalográfico das coleções do Museu Diocesano (165 entradas de peças), reunindo contributos de mais de 50 especialistas nas respetivas áreas de investigação.