PUB

cm chamusca covid

PUB

clickaporta

PUB

cms visitestr

PUB

castelo bode

 PUBaguas santarem 600x110

A Associação Praça Maior, concessionária da Praça de Touros de Santarém, decidiu esta terça-feira, 8 de junho, adiar as duas touradas previstas para 10 e 12 de junho.

Slide thumbnail

Em comunicado, a associação justifica a decisão com a posição tomada a semana passada pela Delegada de Saúde de Santarém, Helena Sousa, que limitou a capacidade da praça a cerca de 30 por cento em vez dos 50 por cento que a associação considera ser de lei (ver notícia anterior da Rede Regional), e pela determinação de hoje do Delegado de Saúde Regional de Lisboa e Vale do Tejo, António Carlos da Silva, que permitia que a lotação fosse de 50 por cento, mas que condicionava a entrada na Monumental Celestino Graça apenas a quem apresentasse teste negativo á Coviod-19.

Elencando uma série de reuniões mantidas nos últimos dias com várias entidades (PSP, Proteção Civil e Saúde Pública), de forma a tentar ultrapassar o problema, a Praça Maior diz ter-lhe sido reconhecida a razão de que a Praça de Touros de Santarém é uma sala de espetáculos, ao contrário do referido no parecer da Delegada de Saúde, o que permitia a entrada de metade da lotação da praça (5.846 espetadores em 11.438 lugares).

"Quando hoje esperávamos a retificação do parecer de 4 de junho e a aprovação do Plano de Contingência da Sala de Espetáculos, com os 50% de lotação previstos na Norma 028/2020 atualizada a 16.04.2021, e com as recomendações faladas na referida reunião, fomos surpreendidos – a menos de 2 dias do primeiro espetáculo - com uma nova imposição de que todos os espectadores fossem obrigatoriamente testados nas 24 horas antes de cada espetáculo, e apresentassem teste negativo à Covid-19 para poderem entrar nos mesmos", explica a Praça Maior.

A associação seria ainda "responsável pela verificação da existência destes resultados conformes, devendo interditar a entrada a cidadãos que não cumpram o disposto na presente determinação”, situação que, dizem, "nunca foi antes aplicada a nenhuma sala de espetáculos portuguesa, parecendo que a tauromaquia e a Praça de Toiros de Santarém foram escolhidas para funcionar como «cobaias» de novas limitações, que vão ao arrepio da legislação vigente".

"Como é óbvio, esta imposição não foi atempadamente comunicada aos mais de 10.500 espectadores que ao dia de hoje já tinham adquirido bilhete para os dois espetáculos, não sendo assim viável realizar as duas touradas.

Lamentando a situação, a Praça Maior garante que "tão breve quanto possível" dará "notícia das novas datas" em que se realização as referidas touradas. "Não desistimos! Voltaremos com uma força ainda maior", prometem.



PUB

PUB

scalhidraulica 2021

PUB

ipsantarem mestrados

PUB

Anuncio AR Chamusca

PUB

almeirim sopapedra

Quem está Online?

Temos 951 visitantes e 0 membros em linha