PUB

banner chamusca alice

PUB

banner cms riscos

Imagem de arquivo / Ilustrativa

A sétima edição do Eh! Toiro – Festival Taurino, realiza-se de 3 a 5 de outubro (sábado a segunda-feira) este ano em formato digital com a transmissão de conteúdos em vídeo nas plataformas do Youtube e do Facebook do Município da Chamusca.

Slide thumbnail

A mudança é originada pela atual pandemia Covid-19, que impede a realização do evento no seu formato habitual. No entanto, à semelhança do que aconteceu com a Ascensão 2020, o Município da Chamusca não deixa de assinalar este importante evento para o concelho.

O programa deste ano inclui uma retrospetiva de imagens em vídeo das edições de anos anteriores do Eh! Toiro. Novidade é a estreia de três tertúlias de fado, com fadistas e músicos chamusquenses, gravadas em vídeo em três tertúlias particulares emblemáticas da vila: a sede do Grupo de Forcados Amadores da Chamusca; a tertúlia particular, o Páteo dos Cingeleiros, de Manuel José Moedas, uma personalidade ilustre da Chamusca pela sua ligação à festa brava, às casas agrícolas do concelho e à Santa Casa da Misericórdia da Chamusca; e ainda na tertúlia de Tiago Prestes, na sua propriedade no Casal do Vale Formoso.

A primeira tertúlia, emitida no sábado, dia 3 de outubro, a partir das 21h00, conta com as atuações de Silvina de Sá, Artur Simões e João Sá, acompanhados à guitarra portuguesa por Paulo Leitão e à viola por Mário Estorninho. Esta dupla de músicos repete a participação na tertúlia que é emitida no domingo, dia 4 de outubro, à mesma hora, e que vai ter a participação dos fadistas Diogo Carapinha e Marisa Ferreira.

No dia 5 de outubro, feriado nacional, às 15h00, é emitida a terceira tertúlia, com a participação das vozes de João Chora, Manuel João Ferreira e Rui Tanoeiro, acompanhados à guitarra portuguesa por Luís Petisca.

Em cada destes três dias, serão emitidos conteúdos com apontamentos e memórias do Festival Taurino Eh! Toiro.

Este evento é um dos eixos de dinamização territorial do concelho da Chamusca e afirma a tradição taurina e tauromáquica do nosso território, que declarou a tauromaquia como “património cultural imaterial de interesse municipal”.



Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

Scalhidraulica

Quem está Online?

Temos 1073 visitantes e 0 membros em linha