PUB

chamusca covid continua

PUB

cms riscos

O queijo e o vinho do concelho de Azambuja vão estar presentes na “Feira de Queijos Artesanais Portugueses” que se vai realizar entre os dias 27 e 29 de abril, no Mercado de Santa Clara – junto à popular “feira da ladra” – em Lisboa.

Entre dezena e meia de produtores oriundos de todo o país, ali estará “A Granja dos Moinhos” – de Adolfo Henriques – da Freguesia de Maçussa, com os seus vários produtos artesanais, com destaque para o famoso “chèvre”, um queijo de pasta mole feito exclusivamente de leite de cabra. Igualmente do Concelho de Azambuja, esta feira contará com a presença dos vinhos “Quinta da Lapa”, produzidos na Freguesia de Manique do Intendente pela Agrovia, Sociedade Agro-pecuária.

A “Feira de Queijos Artesanais Portugueses” estará aberta dia 27 entre as 12h00 e as 21h00, sábado das 10h00 às 21h00 e domingo das 10h00 às 20h00.

O CRIAl – Centro de Recuperação Infantil de Almeirim, vai organizar no dia 29 de Abril, a partir das 15h00, no Cine-teatro de Almeirim, o espetáculo "Dança no Mundo", que pretende dar uma volta ao mundo, através da dança. A iniciativa insere-se nas comemorações do Dia Muncial da Música e contará com a participação especial dos alunos da E.B. 2/3 de Fazendas do Almeirim. As entradas custam 3 euros.

Antes, no dia 27, no mesmo local, a partir das 10h30, o CRIAL organiza o V Encontro "Marcar a Diferença a Dançar", com a participação já confirmada de seis instituições para além do CRIAL. Este encontro pretende proporcionar o convívio dos jovens destas instituições, através de algo que eles tanto gostam, a dança. As entradas são livres.

O ginásio dos bombeiros voluntários de Almeirim vai servir de palco à realização de um estágio nacional de shotocan, no sábado, 28 de Abril, entre as 10 e as 16h30, seguido por um período de exames, a partir das 16h45.

O estágio, organizado pela Shotocan Karatenomichi Portugal – Associação, será orientado pelo sensei Luís Gonçalves, 5º DAN KWF – Japão.

A Câmara Municipal do Sardoal, através do gabinete de protecção civil, e os bombeiros municipais têm em curso um projecto de “minimização de riscos” florestais no valor de mais de 232 mil euros, financiado pelo Proder e custeado a 100% pela União Europeia e Ministério da Agricultura.

O projecto de prevenção de incêndios florestais, segundo uma nota de imprensa da autarquia, “compreende uma intervenção de 235 hectares nas freguesias de Sardoal, Valhascos e Santiago de Montalegre”, que consta de cortes controlados de árvores, cortes e desbastes de matas, gradagem de terrenos e outras acções”, em zonas de floresta, estradas e vias de comunicação, e aglomerados populacionais e industriais.

O projecto não contempla terrenos na freguesia de Alcaravela porque esta área está sob a gestão da sua zona de intervenção florestal (ZIF), explica a mesma nota.

Mais artigos...

Slide backgroundSlide thumbnail

PUB

PUB

PUB

Scalhidraulica

PUB

PUB

promo almeirim1

Quem está Online?

Temos 449 visitantes e 0 membros em linha