app chamuscafestival bike sideshow

caminhada3

A mata nacional do Escaroupim, no concelho de Salvaterra de Magos, vai passar a ter um percurso pedestre de natureza, com partida e chegada ao Largo dos Avieiros (aldeia do Escaroupim).

O objetivo é dar a conhecer ao turista e/ou caminhante todo o vasto e imponente património natural da aldeia avieira, do Rio Tejo e daquela mata, num projeto que está a ser desenvolvido pela Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Entidade de Turismo do Alentejo e Ribatejo (ERTAR) e Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF).

O projeto está incluído no programa "Walking Ribatejo", e prevê um percurso de tipologia circular, de 8,5 km de extensão, aprovado pelo ICNF e homologado pela Federação Portuguesa de Montanhismo. O percurso completo tem uma duração estimada de aproximadamente 3 horas, podendo ser realizado durante todo o ano.

“Foi a oportunidade que aguardávamos para colocar em prática a intenção municipal de valorização do património que constitui a Mata do Escaroupim, sob diversas perspetivas, que vão da diversidade de espécies, importância histórica, dimensão, legado, entre outros”, explica o presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Hélder Manuel Esménio.

O autarca refere que projeto já foi aprovado, pelo que terão início, muito em breve, os trabalhos de implementação no terreno deste traçado meticulosamente definido no interior da Mata Nacional pelos técnicos do ICNF, que permitirá a visita aos vários talhões da mata e o contato com a grande diversidade de espécies.

"Este será o primeiro de vários percursos e rotas pedestres que teremos implementados no concelho, com percursos que, embora de distintas temáticas se complementam, inclusive com vários troços comuns”, concluiu Hélder Esménio.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis