chamuscal apartilhatecfresh2018 slide

Sociedade

bvs sopas

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Santarém realiza este sábado, 17 de novembro, a partir das 12h45, um festival de sopas que conta com a participação de quase duas dezenas de restaurantes de Santarém.

Por 5 euros (adultos) ou 3 euros (crianças), os visitantes podem degustar as várias sopas disponíveis e, simultaneamente, ajudar a corporação. As bebidas não estão incluídas.

almeirimpistadegelo

Durante a quadra natalícia, a Praça Lourenço de Carvalho (Parque das Laranjeiras), em Almeirim, vai acolher um “mercadinho encantado” de Natal e uma pista de gelo para fazer as delícias dos miúdos e graúdos.

Promovido pela Câmara, pela Associação Comercial e Empresarial de Almeirim e pela Associação dos Restaurantes da Sopa da Pedra, o funcionamento do mercadinho vai estender-se até ao dia de reis.

A pista de gelo ecológico estará em funcionamento entre as 11 e as 19 horas, de segunda a quinta-feira, e das 11 às 21 horas às sextas, fins de semana e vésperas de feriado, com um custo de 2 euros por cada 20 minutos de utilização.

chamuscaesterilizacaocaes

Ao abrigo da campanha de controlo da população de cães e gatos que resultou de um protocolo entre a Chamusca e a Associação dos Amigos dos Animais e do Ambiente, e que decorre até final de novembro, já foram esterilizados até ao momento 233 animais, entre agosto e outubro.

Através de uma candidatura ao apoio financeiro da Direção-Geral de Alimentação e Veterinária, a autarquia conseguiu uma verba de 15 mil euros, contratou serviços veterinários e estabeleceu um protocolo para a gestão logística do processo com esta associação, que ficou responsável por apoiar na identificação e no reencaminhamento dos animais, priorizando os errantes, e também de os acolher no período temporário de recobro.

Ou seja, este protocolo não envolve dinheiro, é concretizado através da cedência dos serviços veterinários contratados pelo município, que entregou também vários sacos de ração para fazer face às despesas com os animais em recobro e forneceu ainda 350 chips eletrónicos para serem colocados nos animais aquando da esterilização.

Os chips servem para identificar os animais já sujeitos a este procedimento e “permitem ainda fazer a manutenção e controlo das colónias de animais de forma mais facilitada”, explica uma nota de imprensa da Câmara da Chamusca.

O acolhimento está a ser feito em instalações contíguas ao seu Centro de Atendimento Temporário de Animais.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves