chamusca pinoquioTecfresh17

Sociedade

heli inem

Duas pessoas ficaram feridas, com gravidade, na sequência de um acidente entre duas motas, ocorrido este sábado, 18 de novembro, cerca das 8h50, na rua 24 de Julho, em Fazendas de Almeirim, no concelho de Almeirim.

A gravidade dos ferimentos levou o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) a acionar para o local um helicóptero do INEM, que deverá evacuar o ferido mais grave para um hospital de Lisboa.

No local estão 15 operacionais dos Bombeiros Voluntários de Almeirim, da Viatura Méica de Emergência e Reanimação (VMER) do Hospital de santarém e da GNR, apoiados por 5 viaturas.

 

EM ATUALIZAÇÃO

incendio

O Governo anunciou esta sexta-feira, 17 de novembro, que voltou a prorrogar o período crítico de incêndio, tendo em conta “a provável ausência de precipitação significativa”, uma decisão que, para já, é válida até 23 de novembro.

A decisão foi tomada tendo em consideração a previsão do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, que aponta para tempo seco e subida de temperatura para valores acima da média para esta época do ano, o que faz com que estejam reunidas condições favoráveis à propagação de incêndios rurais.

Assim, é proibida a realização de queimadas em todo o país e continua também a não ser permitido realizar fogueiras para recreio, lazer ou para a confeção de alimentos, utilizar equipamentos de queima e de combustão, destinados à iluminação ou à confeção de alimentos e queimar matos cortados e amontoados ou qualquer tipo de sobrantes de exploração.

Mantém-se igualmente interdito o lançamento de balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes, fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias de atravessamento ou circundantes, fumigar ou desinfestar apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.

campino-joaquim santos

Joaquim Isidro dos Santos, um dos campinos mais respeitados no Ribatejo e no país, morreu esta sexta-feira, 17 de novembro, com 91 anos, vítima de doença.

Natural de Benavente era o mais velho de oito filhos duma família humilde cujo pai, avô e bisavô também foram campinos.

Montou a cavalo até aos 80 anos e desfilou ao lado do filho, neto e bisneto que herdaram o gosto pela campinagem e continuam a viver para o mundo rural na Herdade da Adema, em Samora Correia.

Setenta e dois anos o separam do bisneto Rui Santos que mantém viva a paixão pela arte de trabalhar o gado bravo.

A família de campinos é presença habitual nas festas tradicionais do Ribatejo em Santarém, Chamusca, Benavente, Azambuja, Alcochete e Porto Alto. 

Futebol: Jogo Coruchense x Mondenense | Fotos: João Dinis