chamusca ehtoiromicromineiro slide

etar chamusca

A empresa intermunicipal Águas do Ribatejo garantiu a aprovação da candidatura e financiamento para a construção de uma nova Estação Elevatória de Águas Residuais (EEAR), emissário e rede de drenagem das águas residuais de Porto do Carvão para a ETAR da Chamusca.

O objetivo é garantir o tratamento eficaz e seguro das águas residuais provenientes da Zona Industrial e da Zona Norte da vila da Chamusca e rua do Rone. Após o tratamento na ETAR da vila, as águas limpas serão devolvidas ao Rio Tejo.

A operação aprovada tem um valor estimado de 433 mil euros e será financiada em 85% pelo POSEUR PORTUGAL 2020, suportando a Águas do Ribatejo a comparticipação nacional.

Paulo Queimado, presidente da Câmara da Chamusca, considera que “este é um investimento para melhorar a qualidade e segurança do saneamento no concelho da Chamusca onde a Águas do Ribatejo já investiu cerca de 10 milhões de euros desde 2010. Não nos esqueçamos que esta é também uma medida de proteção do ambiente, que segue as políticas de gestão ambiental seguidas pelo município.”

Já Francisco Oliveira, presidente do Conselho de Administração da Águas do Ribatejo, congratula-se com o avanço desta obra que será mais um contributo para a melhoria da qualidade de vida das populações da Chamusca.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis