chamuscal apartilhatecfresh2018 slide

Cultura

chamuscaconcertocasapia

"Casa Pia no Coração do Ribatejo" é o nome do concerto que a Orquestra do Ensino Integrado de Música da Casa Pia vai apresentar no cineteatro da Chamusca, no próximo dia 24 de novembro, a partir das 18 horas.

Neste concerto, os jovens músicos vão apresentar-se em classes de conjunto de violino, de violas de arco e de violoncelo, também em orquestra e coro.

No 6.º ano, os alunos começam a trabalhar em contexto de orquestra (orquestra B) e, no 3.º ciclo, integram a orquestra A, pelo que as apresentações públicas em concerto fazem parte do seu plano de formação.

O espetáculo tem entradas grátis, mas sujeitas a reserva prévia no balcão único do município da Chamusca, podendo os interessados solicitar mais informações pelo telefone 249 769 100.

tomarcentrofotografia

A Câmara Municipal de Tomar e o Instituto Politécnico da cidade vão assinar o protocolo de cooperação para a criação do futuro Centro de Estudos em Fotografia de Tomar (CEFT) no próximo dia 20 de novembro, às 18 horas.

Instalado no edifício da Casa dos Cubos, este centro de estudos “tem como principal objetivo aprofundar a relação antiga destas instituições com a cultura fotográfica, nomeadamente através dos arquivos fotográficos históricos e contemporâneos, mas também através da formação em fotografia no ensino superior”, explica uma nota de imprensa da Câmara de Tomar.

O CEFT visa ainda “preservar, conservar, estudar e divulgar coleções e acervos fotográficos bem como organizar e promover ofertas formativas em conservação, preservação, gestão de coleções fotográficas e processos fotográficos históricos”, acrescenta a mesma nota.

Do plano de atividades consta também uma programação consistente de exposições de fotografia, conferências e workshops, em especial nas áreas da fotografia e território.

Neste sentido, a criação do centro será marcada pela inauguração da exposição de fotografia e território “Nas Curvas do Espanto: Médio Tejo, que caminhos para uma mudança?”, que resulta de uma residência fotográfica realizada em Mação.

tomarexpoarquitetura

“Aires Mateus – Arquivo 1998 – 2018” é o nome da exposição que vai estar patente no Convento de Cristo, em Tomar, a partir do dia 23 de novembro, numa mostra que percorre os últimos 20 anos deste atelier de arquitetura.

Para esta retrospetiva, os arquitetos Manuel e Francisco Aires Mateus escolheram 54 projetos, apresentados em 91 maquetes, nas salas do Noviciado do Convento da Ordem de Cristo.

Esta exposição de Arquitetura acontece no âmbito da parceria entre a Direção Geral do Património Cultural – Convento de Cristo, a Delegação do Centro da Ordem dos Arquitetos – Secção Regional Sul, que trouxe já ao monumento Património Mundial da Humanidade UNESCO, exposições dos arquitetos Souto de Moura e Carrilho da Graça.

Manuel e Francisco Aires Mateus nasceram em Lisboa em 1963 e 1964, tendo-se formado na Faculdade de Arquitetura /U.T.L., em 1986 e 1987, respetivamente, e começado a colaborar com Gonçalo Byrne a partir de 1983.

Em 1988 começaram a desenvolver projetos enquanto autores, tendo fundado então o atelier Aires Mateus.

A visibilidade crescente do seu trabalho originou convites para realizar conferências e lecionar em várias instituições internacionais, como a Graduate School of Design em Harvard, e a Accademia de Arquitectura de Mendrisío, entre outras, em Portugal.

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves